sábado, 16 de março de 2013

You're My Bitch - 18° Capitulo


Ele ficou meio pensativo e desviou o olhos.
- Ele não gosta de mim não é? - me sentei de frente pra ele o encarando 
- Ash não é isso,ele gosta na verdade ele te ama,só que tem acontecido umas coisas aí que tem deixado ele muito estranho.
- Que tipo de coisa?
- Acho melhor você descansar por que você não pode ficar se estressando. - ele se levantou  ia caminhando em direção a porta
- Responde Ryan ou a nossa amizade que começou a pouco tempo acaba aqui.
Ele me olhou e eu sabia que ele tava com medo de contar,dava pra perceber isso no seu olhar.
- Eu não posso Ashley.
- NÃO PODE OU NÃO QUER ME CONTAR QUE O JUSTIN TÁ ME TRAINDO HEIN? - gritei e ele arregalou os olhos
- Co..como você soube?
- Deve ser pelo fato de que a vadia que ele ta saindo quer me matar e vive mandando mensagens pra mim.
- Te matar? Ashley tem certeza de que você tá bem. - ele veio até mim e colocou a mão na minha testa checando se eu tava bem
- To caralho. - dei um tapa nele - Agora me fala,a puta que tá dormindo com ele se chama Chloe não é?
Ele apenas assentiu.
- Eu já sabia,espera um minuto. - peguei meu celular e mandei uma mensagem pra Chloe
"Pronto vadia,já dormiu com o Justin agora dá pra me deixar em paz?"
Fiquei aguardando uma resposta até que ouvi Justin bater na porta.
- Vai querer falar com ele? - perguntou Ryan
- Acho melhor não. - respondi manhosa,já tava quase chorando só de ouvir a voz do Justin
- Tá espera aqui. 
Me sentei na cama e ele foi até a porta,pela brecha que ficou eu consegui ver o rosto de Justin,ele não tava bem.
Em seguida o Ryan voltou fechando a porta e coçando a cabeça,parecia nervoso.
- O que ele disse? - perguntei aflita
- Ele disse que é pra você ir no escritório daqui a trinta minutos.
- Mas... - ele me interrompeu
- Ele disse que se você não for ele vai fazer uma coisa que você não vai gostar muito.
Bufei e me deitei na cama,Ryan se deitou do meu lado olhando pra mim.
-Eu queria ter te conhecido antes do Justin.
Ergui as sobrancelhas e o encarei.
- Tá brincando comigo?
- Não,você tá entendendo errado,eu acho que eu seria sortudo de ter conhecido você antes,mas eu não gosto de você daquele jeito sabe,meu alvo é a Jenny você sabe.
- Nossa você até me assustou agora.
Ficamos deitados conversando sobre a Jenny até que eu lembrei que tinha que ir no Justin.
- Ryan tenho mesmo que ir? -fiz bico
- Tem sim,qualquer coisa grita que eu vou correndo lá ver o que tá acontecendo.
Me levantei e fui caminhando e parei na porta do escritório,respirei fundo e entrei,ele tava de cabela baixa e quando me viu sorriu fraco,ele tava pálido.
- Justin,você tá bem? - perguntei me sentando na cadeira a frente de sua mesa
- Você acha mesmo que eu to bem Ashley?
- Não. - disse quase num sussurro e abaixei a cabeça
- Só me explica,por que você foi embora e tá tão estranha comigo?
- Justin deixa pra lá,eu sou uma idiota.
- Ash eu sei que você tá triste comigo eu consigo ver isso por mais que você queira esconder.
- É que eu não esperava que a essa altura você fosse me trair com uma vadia tão baixa como a Chloe.
- Chloe? Como você sabe dela? O Ryan te contou não foi? - ele se levantou com os punhos cerrados
- Não,não foi ele,eu já sabia,por acaso você sabia que a sua "amante" - fiz aspas com os dedos - queria matar a mãe do seu filho,ou filha?
Ele ficou em silêncio.
- Sabia Justin? Acho que não né,por que você sai pegando a primeira puta que passa na sua frente. - me levantei e ele segurou meu braço me impedindo de sair
- Ashley se você tiver inventando isso... - interrompi ele que me soltou
- Toma - joguei o celular nele - e veja você mesmo,acha que eu brincaria com isso Justin? -
Ele pegou o celular abriu as mensagens,a cada uma que ele lia trincava o maxilar com raiva,provavelmente ele mandaria matar a Chloe.
- E aí,o que vai fazer em relação a ela?
- Vou mandar trazerem ela aqui.
- E depois?
- Você vai ver.
Depois disso eu ia saindo do escritório e ele me segurou.
- Espera.
- O que?
- Me desculpa por tudo. - ele me puxou pela cintura e me beijou
Foi um beijo calmo,mas foi o suficiente pra eu entender que ele tava arrependido.
- Você não tem culpa. - acariciei a bochecha dele e sorri fraco
- Claro que eu tenho,nada disso teria acontecido se eu tivesse te obrigado a voltar dos Estados Unidos pra cá.
- Esquece isso tá bom,agora não adianta se culpar já foi,só temos que acabar com a Chloe.
- Nossa que vingativa. - rimos e ele me beijou novamente
Saímos do escritório e ele desceu,enquanto isso eu fui atrás do Ryan.
- E aí,se resolveram? - perguntou assim que eu entrei no quarto o encontrando deitado mexendo no celular
- Uhum,só que ainda tem a Chloe né,ele disse que vai trazer ela pra cá. - me joguei do lado dele
- O que vamos fazer agora?
- Sei lá,eu gosto de meditar,topa?
- Aff que coisa chata,isso é mais tedioso do que ficar deitado aqui.
- Não é nada,vem vamos comigo. - sai puxando ele até o meu quarto e vesti uma roupa mais confortável,em seguida fomos pro terraço
Nos sentamos no chão e ele ficou me olhando com cara de tédio.
- Ryan colabora né.
- Ok. - ele revirou os olhos e se sentou fazendo perna de índio - O que eu tenho que fazer agora?
- Respira fundo e relaxa.
E assim ele fez,ficamos uns minutos ali e logo depois ele se levantou e ficou me encarando.
- O que você quer agora? - perguntei
- É que eu to com fome.
- Vai logo pegar alguma coisa pra comer e volta.
Continuei relaxando até ele voltar,ele tava com um pacote de doritos e uma lata de coca-cola na mão.
- Quer? - perguntou
- Não,eu só quero saber uma coisa.
- Fala ué.
- O que você e o Chaz vieram fazer aqui?
- Nada,somos apenas amigos do Justin e antes que você pense não somos envolvidos com nada.
- Ata,o Justin e o Chaz são amigos a muito tempo?
- Desde a infância eu acho.
Em seguida ficamos conversando e eu dei o número da Jenny pra ele,eu conheço de longe quando uma pessoa é perfeita pra outra e garanto,esses dois tem futuro.Quando deu umas nove horas ele ligou pra Jenny e eles marcaram de se encontrar em uma balada aí,enquanto isso eu fiquei deitada vendo tv no quarto.
- Nossa tá frio aqui. - disse Justin entrando no quarto
- É liguei o ar condicionado no máximo.
- Tá maluca? Você vai acabar congelando aqui.
- Nada que um cobertor não resolva. - sorri
Ele se enfiou no cobertor se deitando ao meu lado e me abraçando pela cintura.
- Encontrei a Chloe hoje.
- E aí? Falou com ela que já sabe de tudo? - me deitei de frente pra ele olhando em seus olhos
- Ainda não,é que na verdade eu tenho um plano.

Continua...
E aí gostaram?
Espero que sim,e aí o que acham que vai acontecer com a Chloe?
Deem sugestões e quem sabe uma de vcs acerta.

9 comentários :

  1. tá perfeito milly, continua logo amor

    ResponderExcluir
  2. PERFEITO *u* uh,quero só ver o que vai acontecer,acho que ela morre hahahaha,mas acho que antes de morrer sera torturada hm,kkkkkkkkkk viajei . continua

    ResponderExcluir
  3. aaaa continuaaa please esta muito perfeitooo *---*

    ResponderExcluir
  4. aaah perfeito, bom, ñ tenho a minima ideia do que vai acontecer com a Chloe, mas continua logo please pq eu já tô morrendo de ansiedade

    ResponderExcluir
  5. Perfeito mana u.u continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa ><
    Sei lá kkkk' não faço ideia u.u

    ResponderExcluir
  6. (Jessie Smiler - Tick) A aaaaaa continua logo cherry! u.u! Caraca o que será que vai acontecer com a Chloe? Postaaa logooo morrendo de curiosidade aquiii O.o!!

    ResponderExcluir
  7. Ta perfeito. Só acho q vc perdoou rápido demais e isso fez perder um pouco a adrenalina da história. Mas ta ótimo..continua logo. Kiss

    ResponderExcluir
  8. AAAAAAAAmei amore continua?


    BY:Nina

    ResponderExcluir
  9. OMJ!! Continua por favor, esta muito perfeita!!

    ResponderExcluir

Seu dedinho não vai cair se vc escrever mais do que CONTINUA...