domingo, 20 de janeiro de 2013

You're My Bitch - 10º Capitulo



1 mês depois...
Um mês se passou e adivinhem,nada mudou.
Estou morando muito bem aqui com Jenny,fora o fato do Justin me ligar todo dia,isso já ta enchendo o saco,por que eu nunca atendo,ele começou a ligar mais ou menos uma semana depois que eu vim pra cá,e em nenhuma das vezes eu me preocupei em atender,afinal não deve ser nada de bom.
- E aí como tá a gravidinha mais linda desse mundo? - perguntou Jenny entrando em casa e tirando o casaco
- A mesma coisa de sempre.
- Justin ligou de novo? 
- Ligou,e eu não atendi,não quero ouvir a voz dele.
- Se eu fosse você eu atendia,deve ser algo sério. - se levantou  foi em direção a área de serviço
E novamente meu celular voltou a tocar,olhei no visor e era Justin.
- ME ESQUECE PORRA! - gritei e taquei o celular na parede fazendo o mesmo se quebrar em mil pedaços
- Você tá bem? - olhei e Jenny tava ofegante e assustada,deve ter vindo correndo
- To,só o meu celular que não. - me joguei no sofá novamente
- Nossa,isso tudo é raiva?
- Não imagina Jenny. - falei com ironia e logo a campainha tocou
Fui abrir a porta e não consegui acreditar no que vi,era Caitlin.Ela tava com o rosto vermelho,tinha alguns arranhões em sua bochecha e seus olhos estavam muito vermelhos,e ela chorava.
- Cait. - puxei ela pra dentro - O que aconteceu? - a coloquei sentada no sofá e a mesma começou a chorar mais ainda
- O Justin ele... - ela não conseguiu terminar
- JENNY TRÁS A CAIXA E PRIMEIROS SOCORROS PRA CÁ! - gritei e logo a mesma veio correndo
- Ok,agora fala o que aconteceu? - disse enquanto abria a caixinha
- O Justin,ele ...ele. - ela não conseguia terminar a frase,parecia lembrar de alguma coisa e voltava a chorar
- Respira fundo e tenta de novo. - coloquei remédio no algodão e passe nos machucados
Tava dando dó dela,apesar de tá sem falar com ela,ela é minha prima,não iria negar ajuda.Ela respirou fundo e começou a falar.
- É que depois que você veio pra cá o Justin descobriu que tudo foi um plano do Chris,e invadiu a nossa casa,só que a maioria dos seguranças tinham isso buscar os carros novos,e só restaram três,aí ele entrou lá e levou o Chris.
- E como ele não te levou junto? - perguntou Jenny
- Eu tinha ido no shopping e quando voltei tinha dos homens lá,e me levaram também,só que eles prederam Chris no porão,e todo dia a noite eu ouvia ele gritando. - ela parou encarando o chão e chorou novamente
- Mas e você? Fizeram alguma coisa? - perguntei
- Não,o Justin disse que ia precisar de mim viva,e me deixou apenas trabalhando como empregada.
- E como você conseguiu fugir de lá? - terminei de passar o remédio e entreguei a caixinha pra Jenny que a guardou e depois voltou
- Na verdade eu não fugi,eu vim aqui a mando do Justin,ele falou que só vai soltar o Chris se você voltar.
- O QUE? - gritei - Ele é louco,eu não vou voltar,agora sou EU que não quero mais ver ele.
- Ashley eu acho que você devia ir,é a vida do Chris que tá em jogo. - disse Jenny
- Também acho,você não precisa ficar,só deixa ele saber como você tá e soltar o Chris,mas pra isso contamos com você.
-Não sei ainda. - me levantei e fiquei andando de um lado pro outro
Por um lado eu queria ir pra poder acabar com o sofrimento do Chris,mas por outro eu não queria por que eu sabia que se eu fosse iria sofrer por ter que ver Justin e não poder ficar com ele.Mas eu acho que eu tenho que ir afinal o Chris e a Cait são os unicos que sobraram da minha família,e eu não quero perde-los.
- E então? - perguntaram Cait e Jenny juntas
- Eu decidi que eu vou,mas não vou ficar já to avisando.
- AAAH TE AMO! - disse que Cait vindo me abraçar
- E aí quando vamos? - perguntou Jenny
- Hoje meu amor! - respondeu Cait separando do abraço
- Sério? Não dá,to cansada. - me joguei no sofá e fiz bico
-No três. - disse Jenny e Cait assentiu
- Um,dois,três. - contaram juntas e logo vieram e me levantaram me empurrando pela escada
Elas me levaram até o quarto e me trancaram no banheiro,não tive opção mesmo.Tirei a roupa e fui tomar banho,depois que terminei e sai do box vi uma roupa em cima do vaso.
Me arrumei e sai do banheiro,coloquei algumas coisas dentro da bolsa e desci.
- A gente não vai levar nenhuma mala? - perguntou Jenny
- Tá achando que a gente vai passar férias? - respondi
- Sem papo gente,vamos logo. - apressou Cait
[...]
Finalmente chegamos e nem tivemos tempo de parar pra fazer nada,entramos logo no carro que nos esperava e fomos pra casa do Justin.
Durante o caminho eu encostei a cabeça na janela e só conseguia imaginar em como seria o meu reencontro com o Justin,eu não sabia se ia doer por conta da saudade misturada com a raiva,ou se ia ser bom por conta da felicidade de tá perto dele.E outra coisa que me incomodava muito,é a dúvida,eu queria saber o motivo de ele querer que eu volte,será que ele quer fazer as pazes e vai querer que eu more com ele? Não,claro que não,por que ele ia me querer de novo,eu do grávida,sem contar que vou ficar com o corpo horrível depois que o bebê nascer.Na minha opinião ele quer que eu volte pra me prender junto ao Chris,e vai me torturar,mas será que ele é tão frio a ponto de torturar uma mulher grávida?
Oh Deus quanta coisa,se minha mãe tivesse viva ela seria a primeira pessoa a pensar em uma solução,mas não,eu tenho que cair na real,ela não tá mais aqui eu tenho que tomar minhas próprias decisões agora,e isso tudo não depende de mim,depende da vida que eu to carregando comigo a três meses.
Fui tirada dos meus pensamentos por Cait que me sacudia.
- O que foi? - perguntei e olhei pela janela,estávamos em frente a mansão do Justin,senti um arrepio percorrer meu corpo 
- Vamos? - perguntou Jenny parada ao meu lado
- Acho que sim né. - respondi e fui andando com elas 
Estávamos acompanhadas de dois seguranças,assim que paramos em frente a enorme porta eu meio que recuei pra trás,eu queria entrar mas ao mesmo tempo queria sair correndo.
- Nem vai ser tão ruim assim! - disse Jenny me empurrando
- Claro que não,ruim é apelido. - respondi
Decidi entrar,com muito medo mas tive que fazer isso.Christian,o que eu não faço por você,pensei comigo mesma.
Entrei na frente com Jenny e Cait ficou conversando com um dos seguranças,logo veio até nós.
- E aí? - perguntei
- Ele falou que o Justin saiu com a Jazzy,mas daqui a pouco tá voltando,daqui a uns dez minutos ele chega. - respondeu Cait
- Ótimo só assim dá pra descansar. - disse Jenny e se jogou deitada no sofá
- Ei Jenny,levanta daí. - falei olhando pros lados pra ver se ninguém viu
- E você acha que vamos ficar em pé? - falou Cait - Lógico que não. - se jogou também e pegou o controle ligando a Tv
Me sentei no outro sofá e voltei com meus pensamentos,comecei a imaginar a reação dele ao me ver,só que agora vai ser diferente por que ele sabe que eu sou uma Beadles.
Sabe,dele eu não quero muita coisa,só quero que ele assuma esse filho por que apesar de ter namorado com ele e com o Chris ao mesmo tempo,eu tenho toda certeza do mundo que esse filho é dele.
Fiquei distraída com o que passava na Tv até que ouvi a porta se abrir,acho que a ansiedade foi tanta que me deu um enjoo o que é normal de uns meses pra cá.
Me levantei e fui correndo até o banheiro,levantei apenas a tampa do vaso e coloquei pra fora,só que saiu apenas água,por que hoje eu não comi quase nada,só tomei um suco de laranja e comi meia banana.Prendi meu cabelo e me sentei no chão,fechei os olhos esperando esse mal estar passar e veio outra vontade de vomitar.Até que alguém entrou no banheiro olhei pelo canto do olho e era Cait,ela segurou minha franja que caía.
- Você tá bem? - perguntou me ajudando a levantar - Nossa você tá horrível. - disse me olhando através do espelho
- Valeu,ajudou muito a melhorar minhas auto-estima. - respondi lavando a boca - Tem chiclete? 
- Sei lá. - mexendo no bolso - Toma. - me entregou 
- O Justin já chegou? - perguntei soltando o cabelo e arrumando o mesmo,Cait assentiu 
- Ok,vamos então.
Saímos do banheiro e quando chegamos na sala,dei de cara com Justin que tava com uma cara péssima,ele tava com olheiras,e seus olhos tinham um vazio imenso ele parecia triste,quando ele me viu a unica coisa que saiu de sua boca foi.
- Oi Ashley. - todos presentes ali me encaravam,e eu não sabia o que falar
- Oi Justin.
- Ahn,meninas podem nos dar licença? - falou Justin e elas assentiram
Ele veio até mim e pegou em minha mão subindo comigo.
- O que vai fazer? - perguntei
- Nada,fica calma,só vamos conversar.
Eu confesso que tava com medo,mas era como se ele me deixasse segura,eu meio que me sentia segura com ele.Entramos no escritório e eu me sentei em uma cadeira que ficava de frente a mesa,ele se sentou do lado oposto.
- E aí,como tá,você e o bebê? - perguntou acendendo um cigarro
- Não estamos aqui pra falar de mim,e sim do Chris,agora que eu já to aqui pode soltar ele.
Justin riu com deboche.
- Sabe eu ainda sinto muita coisa por você,mas isso não me impede de sentir raiva por tudo o que você fez.
- E daí?
- E daí que você não vai sair daqui! - respondeu e deu uma tragada no cigarro
- Como? Você vai me prender aqui também,vai me torturar igual tá fazendo com o Chris? Se for isso,você é muito covarde mesmo né,mas nunca esperei muito de uma pessoa que diz odiar o próprio pai. - respondi o olhando friamente
- Você não tem o direito de falar assim comigo Ash.
- Ashley,pra você é Ashley.
- Dane-se,o que importa é que agora você vai morar aqui,até quando eu quiser. - falou e eu bufei fazendo ele rir - Fala sério,você vai gostar.
- Eu não queria nem tá aqui,imagina gostar de morar aqui.
- Mas tu é muito chata em. - ele se levantou e veio até mim - Você fica,e o Chris também.
- O QUE? - me levantei o olhando incrédula - Mas você disse que soltaria ele.
- Isso foi só desculpa pra você voltar.
- EU TE ODEIO. - desferi um tapa na cara dele
- Não,você me ama. - disse e me roubou um selinho
- Idiota. - limpei a boca - Mas e quanto a Cait e a Jenny?
- Elas vão ficar fora do meu caminho.
- E o que quer que elas façam?
- Voltem pros Estados Unidos,afinal a Jenny ficou morando um mês com você lá,já tá acostumada.
- Caraca,vai me proibir de ver elas?
- Lembre-se,isso tudo é culpa sua,por ter me enganado,agora você vai descer e pedir a elas pra voltarem.
Bufei e me levantei saindo do escritório.

Continua...

E aí minhas pipoquinhas,gostaram??
Prometi que esse seria maior né? Promessa cumprida ^^
Então,as ideias pra essa IB voltaram ontem quando eu tava assistindo The Walking Dead,mas calma a IB não vai ficar igual a série não tá? Já pensou o Justin sendo um zumbi?? kkkk -sqn 
Mas voltando,alguém assiste essa série? Prq eu amo :D
Então é isso,BJustin amo vcs *www*

5 comentários :

  1. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA..... Eu disse q vc conseguiria minha grandona. Eu sabia q conseguiria. Agora CONTINUA LOGO pq toh MORRENDO de curioside. Tah INCRIVEL. TY AMU Believe in You ;)

    ResponderExcluir
  2. Caara,que vontade de socar o Justin IUAHSIAUSHUIAS mas por outro lado foi muito bom isso :D iuhasuha perfeito,continua.
    Omg,eu amo The Walking Dead *u*

    ResponderExcluir
  3. UAU num faz isso com a coitada TuT
    continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa u.u

    ResponderExcluir
  4. Caraca o Justin tá malvado u.u! kkk mas tá ótimo por favoor continuaaaa !!! te amuu Cereja *-* (agora sim pegou essa joça ¬¬)

    ResponderExcluir

Seu dedinho não vai cair se vc escrever mais do que CONTINUA...